X-men e seus poderes

Ontem fui assistir ao filme X-Men. Não sou uma "seguidora" do X-men, assim sendo, meus comentários serão sobre os personagens, porque da história eu pouco conheço.

Os filmes com personagens com "extra" poderes sempre me pareceram longe da realidade... Há os que cospem fogo, os que podem voar, os que sobram vento tão forte capaz de fazer um tornado, os que podem se transformar em um animal ou até mesmo em outras pessoas, há os que sobem pelas paredes com suas super garras e há os que podem ler pensamentos.

Ontem, depois de uma avalanche de efeitos especiais, saí do filme pensando no título (e nas possíveis traduções): X-MEN = ex-homens. E mais, pensei até que ponto estes efeitos todos são mesmo "especiais" e estes poderes são mesmo "ficção". Depois de 15 minutos quieta no táxi, olhei para o Fabri e Ene e disse: "vocês notaram que o filme mostra algo tão distante da realidade, mas ao mesmo tempo tão perto?" Eles me olharam e ficaram esperando uma explicação mais complexa, para entender meu pensamento.

Segui: "O filme mostra, de maneira simbólica, a realidade de pessoas que são ´ex-Homens´ (X-Men) cheios de super poderes. Agora pensem: isso nada mais é que nossa realidade. Pensa um pouquinho e olha ao redor: vocês podem identificar alguém que ´cospe fogo´ com sua fala? Lembra daqueles que machucam pessoas com suas colocações? e aqueles políticos que, com aprovação de uma lei podem sobrar vento e fazer um tornado na vida das pessoas? ou mesmo aqueles chefes que se acham no direito de tudo e saem por aí pisoteando as pessoas? e aqueles que se transformam em animal para conseguir o que querem, aqueles que vestem diferentes máscaras para passar por cima de todos?

Quando alguém tem o poder de dizer: ´ATAQUE´e assim bombardear uma cidade, está cuspindo fogo. Alguém que dirige o carro bêbado ou em alta velocidade tem a certeza de grandes poderes: o de fazer o mal não só a si, mas a pessoas inocentes ao redor. Onipotência é essencial em dose saudável porque quando atinge alta dosagem pode ser fatal.

Esse filme não tem nada de ficção, pelo contrário, é realidade: pura, crua, jogada na nossa cara por uma tela gigante de cinema. Existem os X-men bons também, mas é uma luta constante entre o bem e o mal. Poderes, todos temos, a questão é saber usar-los.

E eu que fui no cinema para relaxar e distrair a cabeça, acabei sendo nocauteada pela tela, antes mesmo que terminasse o filme. Não sou uma romântica endoidecida, mas sou uma pessoa que, de grande poder, o que tenho é meu sorriso e criatividade (o que me permite uma boa dose de romantismo). Os grandes poderes estão nas coisas simples e criativas, estes também podem modificar realidades. Assim sendo, outra maneira de pensar sobre o título é: X-Men= extra-Homens. Agora podemos falar daqueles que não deixaram de "Ser Humanos" para conseguir o que querem. Pessoas que tem um "extra", algo especial, mas que ainda "São Humanos". Tenho certeza de uma coisa: o grande poder do sorriso desconcerta os Ex-homens!

Vais sobrar um tornado para derrubar uma casa, ou uma brisa para refrescar uma tarde quente?

Agora a decisão é tua. Tu vais usar teus poderes para ser um Ex-Homem ou um Extra-Homem?

Fotos By Fabi(1) e Fabri(2) - El Nido, Filipinas, 2011.

11 comentários:

  • AquilesMarchel | 5 de julho de 2011 02:59

    disse tudo

    comentarios perspicazes

  • Bixudipé | 5 de julho de 2011 05:02

    Menina, que maravilhoso o seu texto; a sua crítica! Adorei.

    Aliás, o texto desenvolveu-se muito agradavelmente, até seu auge: "Os grandes poderes estão nas coisas simples e criativas, estes também podem modificar realidades"

    Abração.

  • нєllєи Cαяoliиє | 5 de julho de 2011 05:06

    Fabi,
    Sabes que tua visão é bem ampla deste filme,e eu realmente não tinha analisado por esse ângulo para com nossa realidade!
    E se assim pego o seu pensamento e faço o meu,acabo por concordar,há por aí muitas "ex-pessoas" criando um redemoinho em sua vida e ao retorno dela,e poucas as "do bem" se mostram o que são,justamente porque a maioria são ex-pessoas,e serem PESSOAS às vezes intimidam,sendo assim vivem mascarados.
    Parabéns pelo post!Ótimo!
    Beijos

  • SOL da Esteva | 5 de julho de 2011 09:05

    Fabi

    Uma análise excelente para o paralelismo dos comportamentos dos homens.
    Se apostarmos no que de recreativo e instrutivo pode ter um filme, teremos que recuar muitos anos. Hoje, os filmes são produzidos para gente robotizada e facilmente programável para aceitar verdades inexistentes; no passado, eram produzidos no espírito da vitória do bem sobre o mal.
    A geração, que se diz, erudita, aceita-os como os jovens aceitam os jogos de computador; quem os não "engole" é "careta" (como aí dizem).
    A tua Análise é para ser meditada e discutida (se for caso disso) pelos Psicólogos.
    Tem miolo de mais para ser deixada passar em branco.

    SOL da Esteva
    http://acordarsonhando.blogspot.com/

  • MARILENE | 5 de julho de 2011 10:53

    Você transformou, com uma sabedoria incrível, em símbolos, os personagens. E deu a eles um significado bastante real, que nunca me havia ocorrido. Na vida, realmente, essa luta entre bem e mal está presente a cada dia. E é agravada pelos que cospem o fogo da discórdia, da desarmonia... muitas vezes em nome de um falso bem maior.
    Adorei seu texto.
    Bjs.

  • Poeta Insano | 5 de julho de 2011 16:10

    Olá Fabi!

    Isso que fizeste, é a prova de uma grande e poderosa mente, com o super poder chamado ''REFLEXÃO''.
    Boas comparações em relação aos homens humanos/desumanos que circulam em nossa sociedade.
    Parabéns pelo raciocínio e pela abordagem, de uma imensa inteligência e sensibilidade.

    Um abraço à você, EXTRA-MULHER!

  • Edilse | 6 de julho de 2011 05:44

    Fabi,
    Como sempre teus comentários são uma profunda reflexão, só alcançada por pessoas dotadas de uma extrema sensibilidade, capaz de "ver" nas entrelinhas o que muita gente não consegue "enxergar".
    Beijocassss querida

  • MARILENE | 7 de julho de 2011 21:15

    Seus comentários são uma injeção de ânimo, um estímulo. Sempre tão conscientes e agradáveis!!!
    Obrigada.

  • MARILENE | 7 de julho de 2011 21:18

    Fiquei feliz como se fosse o primeiro. Acrescentarei, com prazer, seu nome lá no carinhos-meus.
    Bjs.

  • Fabi Magni | 8 de julho de 2011 03:59

    Queridos amigos!!

    Muito obrigada pela visita e pelos comentários!! Um ótimo final de semana para todos!!

    Abraçao!
    Fabi

  • Vera Lúcia | 8 de julho de 2011 13:51

    Olá Fabi,
    Fiquei impressionada com sua análise.
    Parabéns pelo discernimento e inteligência.

    Agradeço-lhe de coração os selos. Vou acrescentar seu nome lá no blog dos selinhos (selosmimosecarinhos).
    Te admiro muito.
    Beijos.